Notícias

Pró-Sangue incentiva doação antes da vacinação contra o sarampo


Vacina contra sarampo impede a doação por 28 dias

Os candidatos que têm intenção de doar sangue nesse mês de agosto devem verificar se estão realmente aptos a realizar esse gesto de solidariedade. Isso porque as pessoas que tomaram recentemente a vacina contra o sarampo apresentam um impedimento temporário à doação.

O Governo do Estado de São Paulo deu início à Campanha de Vacinação contra Sarampo em 10 de junho e, desde então, os hemocentros estão sentindo um aumento de recusa dos candidatos por conta desse motivo. Na Fundação Pró-Sangue, por exemplo, a vacina contra o sarampo respondeu por 8% do índice de inaptidão nessas últimas semanas.

Para que o estoque de sangue não apresente uma grande queda, a Pró-Sangue recomenda que as pessoas venham doar sangue antes de se vacinar. O protocolo de triagem dos candidatos determina que as pessoas que foram vacinadas contra o sarampo devem aguardar 28 dias para que estejam novamente aptas a realizar esse gesto de cidadania que salva vidas.

Vale lembrar que além da imunização, existem outros motivos temporários que impedem a doação de sangue. Para quem quiser mais informações sobre o assunto, clique aqui.